Como planejar uma Viagem para a Disney – parte 1

Festa de Formatura: escolhendo looks
4 de abril de 2015
Make-up: BB Cream L’Oreal para o dia-a-dia – Resenha
19 de abril de 2015

Oi amoras!

Hoje vou contar para vocês como foi todo o planejamento para minha viagem para a Disney com minhas filhas!.

COMPRANDO AS PASSAGENS

Há 2 anos nós (família completa, eu, maridão, Marina e Letícia) fomos à Orlando. Foi um passeio incrível. Passamos o Reveillon de 2012 para 2013 lá. Experiência mágica. Tanto que todos nos apaixonamos e ficamos sonhando com o dia em que voltaríamos.

disney-magic-kingdom-eua-orlando-dica-viagem-mickey-família

Família com o querido Mickey Mouse no Magic Kingdom -2013

Minha filha mais velha, Marina, completa 15 anos este ano (em setembro) e preferiu uma viagem para a Disney do que uma festa de Debutante! (eu adorei, kkkk)

Graças à Marina, este sonho se realizou este ano. Devo confessar que sou uma mãe super-protetora, e tenho muito receio de deixar minhas filhas viajarem em grupos de excursão (aqui dentro do Brasil, até já fizeram passeios com a Escola, mas para o exterior…. deu medinho).

Além do mais, o bônus de acompanhar minhas filhas numa viagem dessas, é algo sem preço. Somos muito amigas, nós 3. Então, fomos eu, Marina (a aniversariante) e Letícia (minha filha mais nova, que brinco que foi “de brinde” para a viagem). Infelizmente, meu amado marido não pode ir (devido ao trabalho).

PREPARANDO A VIAGEM

Então, se o aniversário da Marina é em Setembro, porque a viagem foi em Março?

Fiz uma simulação da mesma viagem para setembro e ficaria mais do dobro do valor. Por essa razão optamos por viajar em Março.

plano-viagem-documentos-orlando-voo
Planejar a viagem exige pesquisa. Fique atento às promoções de passagens aéreas. Como sou cadastrada no site da TAM, participo do Programa Multiplus, e sempre recebo as ofertas de passagens via email.

Minha prima, que como eu adora Orlando, já havia me dado essa dica. Então, num belo dia de dezembro recebi um email marketing da TAM oferecendo pacotes para Orlando. Como o preço era bastante interessante, imaginei que para a compra da passagem com pontos Multiplus também estaria com um valor mais acessível.

Entrei no site. Fiz as simulações. Dito e feito.

Normalmente um trecho para viagem internacional custa 100.000 pontos Multiplus.
Viagens em tempos de baixa temporada são mais em conta, inclusive na utilização de pontos.

Consegui pagar as passagens de ida e volta das duas meninas com pontos Multiplus (ficou em 120.000 os 4 trechos). Como não tinha pontos suficientes para as 3, comprei a minha passagem em dinheiro; saiu por 950,00 reais cada trecho (ou seja 1.900,00 ida e volta). Essa compra foi realizada em Dezembro de 2014.

Antecedência. Planejamento. Isto faz a diferença.

Por que optei pela TAM?

Da primeira vez que fui para Orlando, fomos de American Airlines. Foi uma viagem boa. Mas com muitas conexões (o que barateia a passagem), e com tripulação americana (foram gentis e me surpreendi com a atenção).

Airbus A321, TAM, 12/12/2007.
Acontece que desta vez não teria o apoio do meu marido, bem mais habituado a viagens internacionais do que eu.
Fiz, então, meu planejamento: vôo direto de São Paulo para Orlando, de TAM (tripulação brasileira), e com brasileiros também no balcão aéreo em Orlando. Tudo que pudesse facilitar seria bem vindo.

Fiquei extremamente satisfeita com minha escolha. Vôos pontuais. Tranquilos. Tripulação muito educada. E excelente atendimento nos balcões de check-in (tanto em São Paulo-Guarulhos, quanto em Orlando).

Este é o primeiro capítulo de uma viagem que tem muitas dicas para antes, durante e depois.

Tem continuação…

Até a próxima Divas!

Facebook Comments