Olheiras – descubra seu tipo e a melhor forma de tratá-las

Resenha: Novas palettas Luisance – CORREÇÃO, CONTORNO e FACE
7 de outubro de 2016
Base Beauty Cushion de Make B. O Boticário – pele perfeita e protegida
11 de outubro de 2016

Olá amoras!

Já comentei com vocês que sou uma pandinha, né. Não é mesmo fácil cuidar de olheiras e a melhor forma é aprendermos qual o tipo que nos atinge para assim termos condições de um tratamento mais eficaz. Sempre faço algumas pesquisas sobre o tema e trouxe algumas dicas para vocês.

como acabar olheiras 2

Causa das olheiras

Alguns fatores contribuem no desenvolvimento das olheiras, como: tabagismo, consumo de bebidas alcoólicas e também nossa conhecida e famigerada TPM, pois promovem a vasodilatação, o que contribui no escurecimento da região.

Além disso, situações como uma noite mal dormida, cansaço extremo podem prejudicar ainda mais o quadro, evidenciando os sinais arroxeados devido à baixa oxigenação e irrigação sanguíneas, o que danifica os pequenos vasos na região dos olhos.

 “As olheiras são comuns em qualquer fase da vida de homens e mulheres, até mesmo em crianças. Podem surgir em pessoas de todas as etnias, no entanto, é mais frequente e acentuada em alguns povos”, explica a dermatologista Anelise Ghideti, da AE Skin Center. Árabes, turcos e indianos estão nesta lista, e quem tem herança genética desses povos também.

Causas diversas de olheiras: rinite alérgica, dermatite atópica, hereditariedade.

Outros fatores que provocam olheiras

– deposição de pigmentos escuros (a melanina, que dá cor à pele);

– pele muito fina, que permite a visualização dos vasinhos;

– presença de vasos capilares exuberantes de coloração arroxeada (altamente perceptíveis);

– sulco na pele abaixo dos olhos, o que produz sombra.

Teste da olheira

Existem três tipos de olheiras:

Falsa – é bem pronunciada e dá a impressão de olhos fundos, além de fazer sombra na pálpebra inferior.

Pigmentar – tem uma cor castanha, que é resultados do acúmulo de ferro na corrente sanguínea, e da melanina.

Vascular – é causada pela dilatação dos vasos sanguíneos na região dos olhos.

tipos de olheiras

1. Olheira falsa 2. Olheira pigmentar 3. Olheira vascular

Um teste simples que você pode fazer para descobrir qual o seu tipo de olheira:

Em frente ao espelho você deve limpar bem a pele, chegar perto do espelho, esticar a pele da olheira para baixo:

– se você conseguir ver os vasinhos, significa que a pele está arroxeada por causa dos vasos (olheira vascular);

– se a pele se mantiver escura, a causa é o excesso de pigmentação (olheira pigmentar);

–  se você vê uma sombra no rosto, a olheira é profunda (olheira falsa).

teste olheiras

Tratamento das olheiras

Existem várias formas de tratamento para amenizar as olheiras, e com os investimentos da indústria de dermocosméticos, a cada dia temos mais opções. Muitos dermatologistas recomendam o uso de cremes adequados para esta região – fórmulas com hidratantes, descongestionantes e despigmentantes.

  1. Clarité Olhos, Dermage – tenho e faço uso. Gosto do produto que atenua um pouco as olheiras, e principalmente deixa a pele dos olhos hidratada e mais viçosa. R$140,00.
  2. Redermic + olhos, La Roche – está na minha lista dos sonhos, já li muitas resenhas dizendo que é um dos melhores no mercado. R$185,00
  3. Bio-Excellence gel creme área dos olhos, Bioage – também faço uso e gosto muito, age na renovação celular, hidratação e clareamento. R$109,00
  4. Ideália olhos, Vichy – adoro os produtos da Vichy, ainda não testei esse, mas já ouvi ótimos comentários também. R$150,00.

tratamento olhos

Existem também procedimentos estéticos realizados em consultório, como a luz intensa pulsada, o laser fracionado, peeling químico e também o preenchimento. O peeling químico e o laser costumam ser mais indicados para os casos de olheiras pigmentares, já a luz pulsada tem indicação para a olheira vascular.

Eu já fiz tratamento com laser e infelizmente não vi muita diferença. Já tem muitos anos, e, portanto era outra tecnologia, talvez hoje em dia existam tratamentos com laser específico para meu tipo de olheira.

laser para olheiras

Laser para olheiras

Receitas Caseiras

Vale lembrar que as receitas caseiras também são grandes aliadas, pois ajudam na diminuição dos vasos, que deixam o pigmento sanguíneo evidente.

Compressas geladas de chá de camomila ou de água filtrada, uso de rodelas de pepino (gelado) – o gelo diminui o calibre dos vasos ao contraí-los.

Para atenuar olheiras devido a noites mal dormidas, rale uma batata no ralador de queijo, encharque dois chumaços de algodão com a pasta de batatas e coloque sobre os olhos por dez minutos. A seguir lave a região.

Ferva durante 10 minutos um punhado de flores de limeira com aproximadamente 250 ml de água limpa, deixe esfriar e coe as flores de limeira. Depois é só colocar sobre as pálpebras, utilizando um algodão.

Hidratantes, como óleo de amêndoas e cremes para assaduras – para aumentar a espessura e ajudar na sustentação da pele, evitando que as ramificações fiquem aparentes e melhorando a coloração local.

receita caseira olheira

De acordo com a Dra. Anelise, hábitos de vida saudável previnem e impedem a piora das olheiras. Ela dá algumas dicas: “Use filtro solar diariamente, durma bem, prefira alimentos naturais, evite o cigarro e bebidas alcoólicas, remova a maquiagem antes de dormir e hidrate-se (de 2 a 3 litros de água por dia)“.

Infelizmente, por tudo que já li e minha experiência, acredito que não existe ainda um tratamento 100% eficaz, e por isso aprender a conviver com essas danadinhas é o melhor remédio. Eu não vivo sem meus melhores amigos: os corretivos, estou sempre testando as novidades. E eles, de fato, ajudam bastante.

Fonte:

A Dra. Anelise Ghideti  (CRM 109.432), da AE Skin Center, é dermatologista formada pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo; Membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e Médica colaboradora no Ambulatório de Doenças das Unhas no Departamento de Dermatologia do Hospital das Clínicas da FMUSP.

www.aeskincenter.com.br

ME SIGAM também nas Redes Sociais:
INSTAGRAM: @blogmuitodiva
FACEBOOK: blogmuitodiva
YOUTUBE: Blog MuitoDiva
Snap: blogmuitodiva

Kisses,

Thatá.

Facebook Comments